Política

MBL entra com ação para suspender aumento salarial de ministros do STF

[MBL entra com ação para suspender aumento salarial de ministros do STF]
08 de Novembro de 2018 às 15:43 Por: Sergio Lima/Folhapress Por: Redação BNews0comentários

O MBL - Movimento Brasil Livre entrou com uma ação contra o Senado para suspender o aumento de 16% no salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). O documento foi protocolado nesta quinta-feira (8) e pede a suspensão imediata dos efeitos da lei. 

O advogado e coordenador nacional do MBL, Rubinho Nunes, caracteriza o aumento como "absurdo, imoral e ilegal". Ele lembra que "a Lei de Responsabilidade Fiscal é clara, objetiva e pragmática ao estabelecer a observância do prazo de 180 (cento e oitenta) dias antes do final do mandato para aprovação do ato que gere despesa com pessoal".

Nunes também solicita que o senador Eunício Oliveira (MDB-CE), que colocou em pauta a votação do aumento na quarta (7), seja intimado. 
 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

Eduardo Entrevista

Mais Lidas