Política

Após deixar presidência da AL-BA para PP, PSD negocia cargos na Mesa Diretora e comissões

[Após deixar presidência da AL-BA para PP, PSD negocia cargos na Mesa Diretora e comissões]
06 de Dezembro de 2018 às 20:33 Por: Divulgação/ AL-BA Por: Bruno Luiz0comentários

A bancada do PSD se reuniu nesta quinta-feira (6) na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) para discutir qual cargo na Mesa Diretora e o comando de quais comissões vai pleitear para a gestão do próximo presidente, Nelson Leal (PP).

O encontro ocorreu com a presença dos novos deputados estaduais eleitos pelo partido, Rogério Andrade Filho e Diego Coronel.

Segundo informações obtidas pelo BNews, a sigla pode indicar a deputada Ivana Bastos para um posto na Mesa Diretora. Inicialmente, o nome mais cotado era o de Adolfo Menezes. No entanto, ele tem estudado abrir mão do cargo em favor da correligionária, já que, no acordo feito com o governador Rui Costa (PT), ficou com a presidência da AL-BA para o biênio 2021/2022. Na avaliação de Adolfo, portanto, não seria justo assumir um cargo agora e o comando da Casa depois.

O partido ainda não se sentou formalmente com Leal para discutir o assunto, mas cobiça o cargo de 1º secretário, que, depois da própria presidência e da 1ª vice-presidência - esta última ficou com Alex Lima (PSB) - é o mais importante na hierarquia da Mesa. No entanto, o posto também pode ficar com a bancada de oposição, como é atualmente, já que é ocupado por Sandro Régis (DEM). Vai tudo depender, portanto, dos acordos feitos por Leal. 

Além disso, a sigla ainda avalia quais comissões entrarão na sua lista pedidos. Vale lembrar que as comissões de Constituição e Justiça (CCJ) e de Orçamento são consideradas as mais importantes. No entanto, as maiores bancadas da Casa costumam ter direito a pleitear as de maior relevância. Como o PT tem o maior número de deputados eleitos (10), pode negociar continuar com o comando da CCJ - atualmente, quem está no posto é Rosemberg Pinto (PT), que passará a ser líder do governo. Por outro lado, empatados com a segunda maior bancada da AL-BA estão PP e PSD. No entanto, o PP já tem a presidência da Casa, com Leal.

PDT também negocia espaço na Mesa
Outro partido que também discute a possibilidade de ter cargo na Mesa Diretora é o PDT. Segundo apurou o BNews, entre os cotados para indicação do partido estão Euclides Fernandes e Samuel Júnior.

Samuel foi o primeiro a retirar a candidatura à presidência da AL-BA para apoiar Leal. Nas negociações com o pepista, o PDT discutiu a possibilidade ficar com espaço na Mesa para a próxima gestão. No entanto, o martelo sobre o assunto ainda não foi batido.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

Eduardo Entrevista

Mais Lidas