Política

Presidente do PSDB baiano defende independência em relação ao governo Bolsonaro

[Presidente do PSDB baiano defende independência em relação ao governo Bolsonaro]
10 de Novembro de 2018 às 18:55 Por: BNews/Vagner Souza Por: Henrique Brinco0comentários
O presidente do PSDB na Bahia, João Gualberto, defende que a legenda tenha um posicionamento mais independente nos próximos anos em relação ao governo Jair Bolsonaro (PSL).  Ele critica a postura da legenda após o impeachment de Dilma, que resolveu aderir ao governo do presidente Michel Temer (MDB).
 
"Acho que o partido como um todo tem que mudar o rumo, a figura do partido. A gente tem que ter posições claras para a sociedade. Quando você disputa a eleição para presidente, a população coloca você no campo da oposição. Acho que tem duas situações agora: uma é votar nos projetos de interesse no Brasil e não se tornar um partido adesista", afirma.
 
"Têm vários partidos no Brasil que são adesistas. Acho que cada partido tem que ter a sua posição, as suas verdades, e entrar aos poucos em sintonia com a sociedade. E não ter adesismos logo de cara", alfineta. Ele revela que o partido na Bahia, hoje, tem duas correntes.
 
"Sempre defendi que o posicionamento do PSDB após o impeachment que nunca deveria participar do governo. Fui vencido pela corrente de Imbassahy, que defendia a participação no governo. Defendeu ir para o governo Temer, votou contra a investigação do Temer... São duas correntes do PSDB".

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

Eduardo Entrevista

Mais Lidas