Reunião de rodoviários com empresários, MPT e MTE acaba sem acordo


Por Redação BNews | Fotos: Divulgação

Uma reunião com o Sindicato dos Rodoviários de Salvador, Ministério Público do Trabalho (MPT) e o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Salvador (Setps), terminou sem acordo nesta sexta-feira (19). De acordo com Daniel Mota, diretor de imprensa do Sindicato dos Rodoviários, uma proposta de 3,0 % de reajuste no salário a partir do mês de novembro foi apresentada pelo Setps, no entanto, não foi aceita pela categoria. Ainda seguno Mota, um novo encontro está marcado para a próxima segunda-feira (22).

 A categoria está em campanha salarial, e entre as reivindicações estão:

- Reajuste de 9% nos salários;
- Plano de saúde 100% pago pelas empresas (hoje os trabalhadores pagam 33,77% do plano); 
- Aumento do valor do vale-refeição para R$ 20
- Contratação de mais mulheres (hoje correspondem a menos de 5% dos quase 13 mil rodoviários);
- Manter a função de cobrador em todas as linhas e horários e, assim, acabar com a dupla função dos motoristas que também cobram;

COMENTAR

* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.

RELACIONADAS

Política

Prefeitura define 163 bairros em Salvador

Trânsito

Pedestre fica ferido após ser atropelado por motocicleta na subida da LIP