Sudesb rebate queixas de usuários sobre piscina olímpica na Bonocô


Por Redação Bocão News

Após matéria publicada pelo Bocão News, denunciando as condições precárias da piscina olímpica de Salvador, localizada na Avenida Bonocô, a Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), órgão responsável pelo equipamento, por meio de nota rebateu as queixas apresentadas pelos usuários nesta segunda-feira (20).
 
De acordo com o órgão, devido à chuva que caiu na capital baiana nos últimos dias, a coloração da piscina, que comporta cerca de 3,7 milhões de litros, sofreu alteração, tendo preservado, no entanto, todos os parâmetros técnicos de qualidade da água, inclusive a sua cristalinidade.
 
Ainda de acordo com a Sudesb, a piscina continua atendendo as suas atividades regulares. Além disso, a superintendência, ressalta que contratou, desde março do ano passado, uma empresa especializada responsável pela manutenção das piscinas.
 

Leia nota completa:

- Devido à chuva que caiu em Salvador nos últimos dias (sexta e sábado em maior volume), a coloração da piscina olímpica/Bonocô, que comporta cerca de 3,7 milhões de litros, sofreu alteração, tendo preservado, no entanto, todos os parâmetros técnicos de qualidade da água, inclusive a sua cristalinidade.

A piscina continua atendendo as suas atividades regulares, quais sejam: treino de atletas de alto rendimento (Allan do Carmo é um dos que treinam lá duas vezes por semana) e o projeto Sudesb Natação em Rede, hoje com público de mais de 500 pessoas em aulas de natação e hidroginástica acontecendo de segunda a sexta-feira, das 6h às 19h50. Além dos profissionais de educação física, o projeto conta com presença diária de enfermeira e assistente social.

Vale ainda observar que a Sudesb contratou, desde março do ano passado, uma empresa especializada responsável pela manutenção das piscinas;

- Há uma semana, foi dado início à obra de instalação da arquibancada, com capacidade para 320 lugares e com cobertura. Portanto, a obra de implantação desse equipamento ainda está em execução (prazo de 15 dias para conclusão), não havendo, portanto, sentido a denúncia quanto à situação de "desmoronamento";

- Encontra-se em fase de licitação, pela Sudesb, a aquisição dos novos módulos da estrutura física complementar (vestiários, sanitários e administrativo) para o equipamento;

- A grama encontra-se em processo de recuperação, sendo tratada por profissionais com fertilizantes específicos, após dano sofrido com a estiagem verificada em Salvador até a chegada das últimas chuvas;

- Diferente do que foi noticiado, o espaço tem um bebedouro em funcionamento, oferecendo água gelada nas quatro torneiras existentes;

- A Federação Bahiana de Desportos Aquáticos (FBDA), responsável pela realização dos torneios no sábado e domingo (18 e 19/03), informa a presença de uma ambulância nos dois dias, no estacionamento localizado na entrada da piscina;

- Por fim, informamos que ainda esta semana a Sudesb anuncia a abertura de mais 250 vagas residuais para natação e hidroginástica no núcleo do projeto Natação em Rede que funciona na piscina do Bonocô. A expectativa é de que, nos próximos dias,  1000 pessoas estejam praticando atividades neste núcleo - 720 de natação (público infanto-juvenil de escolas públicas) e 280 de hidroginástica  (idosos com mais de 60 anos).

Matérias relacionadas:Vídeo: cidadão denuncia más condições de piscina olímpica de Salvador

 

Publicada no dia 20 de março de 2017, às 18h

 

COMENTÁRIOS

adriano - 21/03/2017 - 09:39
Nunca soube que chuva mudava a tonalidade da piscina, mas apenas urina (azul + amarelo = verde) ou a falta de produtos químicos (cloro), que altera o PH da água. Aliás, com tanta gente frequentando esta piscina olímpica, é bem possível que a coloração verde já tenha uma causa provável, aliada inclusive à falta de cuidado dos seus administradores, que ou não fiscalizam a empresa terceirizada responsável pela limpeza, ou não estão pagando a referida empresa, que se recusa a limpar a piscina. Quanto à falta de estrutura física, seja de arquibancadas, cobertura e sobretudo vestiário, realmente chega a ser uma confissão de incompetência, pois assumir que não estão prontos, mesmo estando em meados de março, quando sabidamente as competições de natação se iniciam nesta época, apenas demonstra a falta de zelo e de compromisso com o esporte na Bahia.

Carregar mais comentários.

COMENTAR

* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.

RELACIONADAS

Religião

Arquidiocese promove Caminhada Penitencial e trânsito na cidade baixa é alterado

Salvador

Prefeito lança Operação Chuva 2017 e prevê R$ 13 milhões para obras em encostas

Política

PSL votará para derrubar veto de Rui a proibição de consumação mínima

Esporte

Piscina olímpica usada no Rio-2016 ficará na Pituba