Salvador, 01 de Setembro de 2014
Winamp windows Media Player Real Player QuickTime
Baixar na App Store
Galaticos Online

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Auditado pelo IVC

Irmãos que mataram traficante em ônibus na Narandiba são presos

Por: Redação Bocão News (twitter: @bocaonews) - 20 de Setembro de 2013 - 20h52

  • 0

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) apresentou, na manhã desta sexta-feira (20), à imprensa, em seu auditório, os irmãos Rodrigo e Reislan Jesus de Araújo, de 20 e 19 anos, respectivamente, responsáveis pelo assassinato do traficante Alax William Xavier dos Santos, o “Ioiô”, 19, morto a tiros dentro de um ônibus, na avenida Edgard Santos, em Narandiba, no dia 8 de setembro. Três passageiros também ficaram feridos na ocasião. Conforme nota na íntegra da Polícia Civil.
 


Os dois confessaram à delegada Clelba Regina Telles, titular da 2ª Delegacia de Homicídios (DH/Central) que mataram Alax em represália ao assassinato de Alan dos Santos Araújo, morto a tiros, por ele, em 19 de julho, naquele bairro. Alan era primo da dupla, que, no ataque, contou com a ajuda de um terceiro irmão, Robert Jesus de Araújo, 23. Todos são integrantes da quadrilha liderada pelo traficante de prenome Maciel, que também participou do crime. Ambos já possuem prisões decretadas e são procurados.

Pressionados pelo cerco feito pela Polícia Civil na busca aos responsáveis pelo assassinato, Rodrigo e Reislan se apresentaram no dia 12 de setembro, na 11ª Delegacia Territorial (DT/Tancredo Neves), onde acabaram presos pelo delegado Aldacir Ferreira, titular daquela unidade, em cumprimento aos mandados de prisão. O delegado acompanhou a delegada Clelba Regina Teles, na coletiva de imprensa.


QUADRILHA RIVAL

Segundo Clelba Regina, “Ioiô” pertencia a uma quadrilha rival, atuante na localidade do Canal, e único alvo da ação, que feriu três pessoas inocentes. “Eles entraram no ônibus com o objetivo de atingir Alax e vingar a morte do primo, mas acabaram atingidos outros passageiros acidentalmente”, explicou a delegada. Leôncio da Silva Santos, 28, foi atingido no pescoço e continua internado no Hospital Roberto Santos. Arlindo da Silva Lima, 72, e Edvaldo Pereira dos Reis, 39, também atingidos, foram liberados.

Dois dias depois do crime, investigadores da DT/Tancredo Neves prenderam Davi dos Santos, 20, que foi flagrado em sua casa com a arma utilizada no crime. Em depoimento ao delegado Aldacir Ferreira, ele disse que apenas escondia o revólver, calibre 38, a pedido de “Maciel”, e que não tivera participação no ataque ao ônibus. Davi foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma.

Ainda, segundo a delegada, Robert, Rodrigo e Reislan são conhecidos como “Irmãos Metralha” e, a mando de “Maciel”, praticavam diversos delitos, levando pânico à comunidade. O trio é acusado de cometer crimes desde a adolescência, sendo que Robert já foi autuado, em 2009, por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. Ele foi preso diante dos irmãos, adolescentes na ocasião. Rodrigo e Reislan já estão no Sistema Prisional e a arma do crime no Departamento de Polícia Técnica (DPT), para perícia.

Foto: divulgação / Ascom Polícia Civil
 

0 Comentário

* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.

Relacionadas

  • Auditado pelo IVC