Anitta terá que pagar multa de mais de R$ 2 milhões para ex-empresária


Por Redação BNews | Fotos: Reprodução

A multa que Anitta terá que pagar para sua ex-empresária Kamilla Fialho, da K2L Empreendimentos Artísticos, foi corrigida pela juíza Flávia de Almeida Viveiros de Castro, da 6º Vara Cível da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.  Segundo o jornal Extra, a cantora terá que pagar R$ 2.820,211,20 e leva em conta o Índice Geral de Preços do Mercado (IGPM), com juros compostos de 1000% ao mês passado. 
 
A reportagem detalha que o valor que a cantora deveria pagar estabelecido pela decisão anterior, proferida em junho deste ano, era de R$ 1.282.747,61, mas levava em conta um laudo elaborado em 31 de maio de 2016 que não foi atualizado. Neste laudo, a perícia judicial apurou que o valor da multa contratual a ser recebida pela K2L era de R$ 9.646.222,07. Segundo a nova decisão, esse valor atualizado com os juros e o IGPM passa a ser de R$ 11.188.685,66.
 
Em julho de 2015, a cantora fez um depósito judicial de R$ 3 milhões, que atualizado na época da decisão emitida em junho chegava a R$ 4.222.249,81. Por sua vez, na ação de prestação de contas que ajuizou contra a empresa, Anitta acusa a ex-empresária de desviar R$ 2.479.301,00, fato que ainda não foi provado. O valor atualizado estaria em R$ 4.146.224,65.
 
 

COMENTAR

* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.

RELACIONADAS

Entretenimento

Com 200 milhões de views nos últimos clipes, Anitta prepara gravação do novo hit

Entretenimento

Em quarto de hotel, Anitta dispara: "suburbano você reconhece de longe"

Entretenimento

Anitta e dupla Simone e Simaria em novela