Receita Federal retém R$ 1,8 mi do Fundo de Participação de Alagoinhas


Por Redação Bocão News | Fotos: Arquivo Bocão News

A Receita Federal reteve R$ 1,8 milhão do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) de Alagoinhas por falta de pagamento da antiga gestão do INSS dos servidores.  Segundo a prefeitura, a gestão anterior descontou em folha o INSS no mês de novembro de 2016, mas não repassou os recursos à Previdência Social.
 
“A retenção do FPM de janeiro compromete seriamente a vida financeira da Prefeitura de Alagoinhas e não existe mágica nas finanças. A solução para este problema só poderá vir do corte de despesas. Agora, mais do que nunca, o Executivo não pode gastar”, disse o secretário municipal da Fazenda, Daniel Grave.
 
Ele explica que além de não ter repassado o INSS de novembro, a gestão anterior também não repassou à Previdência Social o INSS dos servidores recolhido no 13º salário e no mês de dezembro de 2016.
 
A cidade era administrada por Paulo Cézar (PDT) e este ano Joaquim Neto do Democratas assumiu a prefeitura. 
 

COMENTAR

* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.

RELACIONADAS

Política

Prefeito eleito de Alagoinhas anuncia cinco secretários

Serviços

Receita libera consultas ao 6º lote do Imposto de Renda 2016 nesta terça

Política

INSS vai remarcar quase 6 mil perícias após MP 739 perder validade

Polícia

Homem é morto a tiros dentro de bar em Alagoinhas

Economia

Receita Federal libera pagamento do quinto lote de restituições do IR 2016