Na Sombra do Poder: tá ruindo a república federativa do Brasil


Por Editoria de Política | Fotos: Reprodução

O clima nada ameno de Brasília

Nada acabou. Nada teve seu fim. A crise política volta a atingir a agenda do brasileiro com intensidade. Temer, o paladino, foi pego pelo dono do JBS. As gravações que estão na mão da Justiça são comprometedoras e soaram como uma bomba não só no noticiário, como no Congresso e na vida de todo mundo. É aquela máxima: depois da queda, o coice. Temer, que já não possuía o apoio popular, agora não o terá mais mesmo. Cai e não sobra nada. E quem volta ao cenário nesse emaranhado de possibilidades de queda? Ele! Eduardo Cunha, o homem bomba. O peemedebista foi o estopim da queda de Dilma Rousseff (PT) e agora será o estopim peemedebista também.

 

Quem diria, Aécio...

E quem também foi pego nas gravações pedindo dinheiro a JBS? Aécio Neves! Sim! Ele mesmo. Saiu correndo do Senado quando leu a notícia de O Globo e depois tomou doril. A assessoria negou qualquer acusação, contudo, se a gravação sair e tiver a voz do mineiro... UAI! Que trem, hein?

 

Meme

E quais foram as reações de Lula (PT) e Dilma (PT) ao verem as recentes denúncias contra Temer e Aécio. Vejam aqui...

Volta ou não volta?

Há uma conversa nos bastidores da Câmara que o vereador Claudio Tinoco (DEM) tem pensado em voltar a sua cadeira de vereador. Anda com saudade do Legislativo. Quem tá tremendo na base é Vado Malassombrado. Tinoco voltar, Vado voa.

 

Perguntar não ofende

Por falar nos suplentes, Atanázio Júlio (PSDB) entrou como vereador, contudo, manteve a equipe de assessoria de Paulo Câmara (PSDB), que está em Brasília. Por que será?

 

Beija mão

A tarde desta quarta-feira (17) foi conhecida no Thomé de Souza como a tarde do beija mão. O que teve de puxa saco para parabenizar Bruno Reis pelo seu aniversário não tá no gibi. Por falar nisso, na festinha surpresa, teve ex-vereador e suplente enchendo os bolsos de salgados, principalmente os empanados de camarão... a coisa tá russa!

 

Sozinho?

E por falar em Reis. Soltou a voz, não desafinou e pelo visto já quer seguir carreira solo...

 

Tom belicoso

O que soou estranho foi o discurso de João Roma (PRB) para com Bruno. Os mais ácidos disseram que a fala foi extremamente protocolar de quase uma celebração de missa. Nada muito animador e de grau mais próximo. Até porquê, corre na boca miúda, que ele e Reis são as duas forças que brigam por poder na esfera.

 

Quebra pau por votos

E começou o figth! Rui e Neto estão na briga por 2018. Começou! A briga da eleição não está prevista para a campanha propriamente dita, mas já iniciou no noticiário midiático. A ala netista começou a colocar os deputados de oposição para se mexer e partir pra cima do governador para desgastá-lo.

 

Tá quente, né?

O calor no aeroporto de Salvador foi tamanho e tão insuportável que o senhor, que esperar um voo, resolveu tirar a camisa. Rapaz!  A situação tá complicada mesmo.

 

Caindo cacau

É, e a Operação Chuva? Bastou cair o cacau por uma hora e Salvador travou com alagamentos. Mas uma foto recebida para a coluna foi extremamente uma ironia do destino. Saca só...

 

Bola fora

ACM Neto (DEM) deu uma bola fora nomeando o ex-prefeito do chefe sem fundo, segundo o MP, Rosalvinho Sales. Se a ideia é queimar a imagem, ah, isso o prefeito conseguiu, tenha certeza! O verde perdeu feio uma eleição para um padrinho de Solla (PT) na cidade e agora veio encontrar arrego no Thomé de Souza.

 

Soltaram os cachorros

O bicho, literalmente, pegou no plenário da Câmara de Salvador. Ana Rita Tavares (PMB) e Marcelle Moraes (PV) só faltaram sair na mão nas puxadas de cabelo no legislativo. O pau quebrou. Ana Rita falou que a conversa dela com Marcelle era na Justiça e Marcelle mandou Ana Rita “se respeitar e trabalhar”. O clima foi tanto que o presidente Léo Prates (DEM) ficou com medo de que o pior acontecesse e terminou a sessão. O certo é que Marcell deixou a irmã na CMS para dar continuidade às polêmicas.  Ana Rita acusou a adversário de se aproveitar do caso em que ela é denunciada de invadir a casa de um agente de saúde e resgatar um cachorro.

 

Queda de braço

Informações quentes recebidas pelo BNews dão conta que há uma briga interna na família Brandão a respeito da vaga do PSC para candidato a deputado estadual. Soubemos que a vereadora Lorena Brandão (PSC), que inclusive tem se destacado em seu primeiro mandato, e seu irmão Átila Júnior estão disputando para quem sai no pleito de 2018. Vamos ver essa queda de braço...

 

Cadê a base?

É certo que quem pede verificação de quórum na Alba é a oposição, mas quem não dá o quórum é o governo. Ora, a estratégia não estaria dando certo se os deputados da base de Rui Costa estivessem presentes, fisicamente, pois no painel eletrônico... O argumento da base é que já é cultural, “o pequeno expediente é um espaço mesmo da oposição”, mas fato é, já são quatro projetos travando a pauta há semanas, e a LDO entrou na pauta, projeto importante para o Estado. Alias, Rui anunciou uma medida que ainda nem foi votada na Alba, sobre os atestados médicos dos servidores. É governador, vai ter que esperar um pouco para a medida valer. Já que nem os almoços com a base estão fazendo os deputados comparecerem às sessões...não tá fácil pra ninguém!

 

Fardas extra G

Parece que a prefeitura de Jequié fez escola no caso das mochilas enormes entregues na rede pública de ensino. Desta vez, é a prefeitura de Candeias que revoluciona com a camisa extra. Muitas delas foram confeccionadas para crianças de ensino fundamental, que ficaram engolidas nas fardas. Se a moda pega... O caso tá ganhando repercussão nas redes e reclamações pela cidade...

 

Centopéia da Saúde

Tem uma centopéia da Saúde circulando por aí. No bojo da seara do Espanhol tem a história de um figurão que chegou a atuar em outras instituições de Saúde de Salvador e é acusado de  acordos escusos com empresas que ele mesmo era sócio e saía do lugar com as malas de dinheiro. Agora também não se sabe como ficaria o secretário da Saúde, Fábio Villas Boas, pois tem muitas viúvas de Solla, ex-secretário, para assumir funções na reativação do hospital. 

COMENTAR

* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.

RELACIONADAS

Política

BNews Minuto Política 1ª edição desta quinta-feira (17)

Geral

BNews Minuto Notícias desta quarta-feira (16)

Política

BNews Minuto Política 1ª edição desta terça-feira (15)

Política

BNews Minuto Política 2ª edição desta segunda-feira (14)

Política

BNews Minuto Política 1ª Edição desta segunda-feira (14)