Policiais de Camaçari decidem aderir à greve


Por Redação Bocão News

Os policiais do 12º Batalhão da Polícia Militar de Camaçari (BPM) resolveram aderir à greve em solidariedade aos colegas que estão "acampados" na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA).

Os policiais do município da região metropolitana de Salvador, estão aquartelados e vão sair somente em situação de emergência, segundo informações informações do site Camaçari Notícias.
 
A Polícia Civil e a Cipe, conhecida como a Caatinga, comandada pelo major Adalberto Piton, deve reforçar a vigilância e as ações na cidade. Na Praça Abrantes, duas viaturas devem permanecer circulando durante todo o dia na cidade.

COMENTÁRIOS

marcos - 07/02/2012 - 09:24
essa caatinga so tem covarde nao aderiram ainda por cima fica apoiando esse ditador represalias a policia da caatinga folta pouco quero ver se ele nao vai ceder carnaval é pra semana quero ver se o carnaval vai ser com a seguranca da caatinga
ROBERTO - 07/02/2012 - 06:22
É VERGONHOSO VER COMO OS POLICIAL MILITAR E TRATADOS,ELES NÃO TEM DIREITO NEM DE LUTAR PELOS SEUS PROPRIOS OBJETIVOS, POR QUE QUEM ESTAR NO PODER NÃO RESPEITA ESTES HOMEM E MULHERES QUE ARISCA A SUA VIDA E AVIDA DA SUA FAMILHA POR MERECA. ACORDA PRA VIDA GORVERNADOR.
carlos - 07/02/2012 - 03:41
É necessário continuar a greve e aumentar cada vez mais as reeinvidicações contra o alto comando da policia militar, pois, quem não esta lembrado do então major alberto castro quando atuava no batalão do choque e invadiu junto com seus seguidores o antigo 8º batalhao - calçada em salvador e humilhou os compatriotas por exigir salarios, condições reais de trabalho e tratamento humano ao trabalhdor pm que continua a ser destruido na sua dignidade humana agora pela esquerda anters eram os idealistas de direita, ou seja não importa quem exerça o poder sempre os pm serão tratados da forma mais desumana que for possível e dane-se o proletariado...
Insegurança - 07/02/2012 - 02:39
Não estou mais conseguindo dormir direito, hoje aqui em Camaçari atiraram em um jovem na rua em que moro foram pelo menos uns 7 tiros e um policial também foi morto nas proximidades da UNEB.Estamos com muito medo dessa crescente violência que toma conta de nossa cidade e chega cada vez mais próxima dos nossos lares. Peço a Deus que ilumine nossos governantes para que cheguem a um acordo. A POPULAÇÃO NÃO AGUENTA MAIS ESSA SITUAÇÃO, SOCORRO!!!!!
Firmino - 06/02/2012 - 21:18
Parar foi um grande passo, agora é preciso ir a AL, e se juntar aos bravos milicianos, que lá se encontram sendo humilhados e agredidos pelo governo vergonhoso que colocamos no poder.
Paulo - 06/02/2012 - 20:57
A Cipe esta do lado do ditador da Bahia.Espero que eles para sempre sejam lebrados como o filho da policia militar que matou e envergonhou sua própria historia.

Carregar mais comentários.

COMENTAR

* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.

Windows Media Player Winamp QuickTime Real Player

RELACIONADAS

Polícia

Polícia Militar apreende bananas de dinamites em Conceição do Jacuípe

Polícia

 Academia da Polícia Militar realiza formatura de oficiais

Política

Lei que organiza Polícia Militar da Bahia segue para sanção do governador Wagner

Política

Aprovação da LOB: Polícia Militar ganhará novos cargos e departamentos

Polícia

Corregedoria da Polícia Militar continua apurando desaparecimento de Davi Fiúza