Petkovic classifica erro de árbitro como um "assalto ao Banco Central"


Por Galáticos Online | Fotos: Reprodução

O árbitro do jogo entre Palmeiras e Vitória, Bruno Arleu Araújo, terminou marcando um pênalti de forma equivocada no triunfo da equipe paulista por 4 a 2 e isso irritou o gestor de futebol do Leão, Petkovic, que reclamou também de uma penalidade máxima não marcada a favor do rubro-negro, em cima de Patric.

 "Foi um assalto ao Banco Central. Um crime o pênalti que o juiz deu para o Palmeiras. Não é a primeira vez que somos prejudicados. Temos que rever essa situação. Infelizmente o árbitro prejudicou (...) Teve o pênalti em cima de Patric e aí dizem que ele não caiu. O juiz tem obrigação de dar a falta, pois quando cai dizem que é cera e punem o jogador. Foi um assalto ao Banco Central que fizeram com a gente", esbravejou Petkovic na rádio Transamérica FM.

Após mais uma derrota, o Vitória volta a jogar na próxima quarta-feira (19), contra o Grêmio, às 19h30 no Barradão, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Publicada originalmente dia 16 às 19h

COMENTAR

* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.

RELACIONADAS