Amar a si mesmo

| por Guilherme Reis*

Um sociólogo que gosto escreveu que o amor-próprio é fundamental para movimentar o nosso senso de sobrevivência e preservação. O amor-próprio nos preenche, nos torna aptos a amar o próximo e a estabelecer vínculos sólidos e duradouros. Em suma, amar a si mesmo é o começo e o fim na relação com nós mesmos e com o outro, mas por onde começar essa difícil tarefa?

Nos últimos anos, a consciência de que me amo cada vez mais tem se tornado maior, mas a dúvida às vezes é inevitável: será o meu amor-próprio suficiente para minar as minhas inseguranças e me fazer feliz? Será que tal sentimento é real ou simulado por essa ideia que nos foi injetada pelo senso comum?

Questionamentos de lado, é fato que, quando nos amamos, a busca por crescimento pessoal, por turbinar ou rever valores, e até por melhorar a nossa aparência, realiza-se de forma consciente e objetiva, e nos preenche em vez de nos fazer sentir vazios. Por outro lado, a auto-depreciação, e, não raro, o medo de não ser aceito e bem quisto, nos torna negligentes com nós mesmos. 

Quando não nos amamos, sentimos que o resto do mundo não dá a mínima para a nossa existência. É um círculo vicioso: o amor-próprio começa quando temos a expectativa de receber amor das outras pessoas; porém, se a expectativa não existe, como vamos tentar nos amar? Assim sendo, abrimos mão de buscar crescimento intelectual e emocional; nos prostituímos moralmente, passamos a viver perigosamente. Quem se importa se o nosso carro der de cara com um poste ou se tivermos uma overdose fatal?

Nessa matrix de competitividade em que vivemos, exigimos demais de nós mesmos, sempre querendo ser mais do que precisamos e podemos, e estar minimamente seguros do nosso próprio valor acaba não sendo fácil. Porém, ou nos valorizamos, ou renunciamos à vida. 

*Guilherme Reis é repórter do BNews e escreve neste espaço às segundas-feiras.

Leia também:
Amor ou amizade

COMENTAR

MAIS ACESSADAS

Salvador

Dono do bloco As Muquiranas é sequestrado em Salvador

Polícia

Homem apontado como líder do tráfico de localidade em Itinga é morto a tiros

Polícia

Pichações de grupos criminosos são removidas pela polícia em São Cristóvão